Instituto Royal tem proteção de servidores públicos “comprados”


Isso é verdade, que os animais correm perigo por terem sido retirados do laboratório assim tão bruscamente, sem qualquer supervisão de um veterinário. E sim, também é certo que a própria população corre agora um certo risco, porque não temos certeza de a que agentes os animais estavam sendo expostos e deve-se ter cuidado com a possibilidade de um contágio.

Fora essa particularidade (que não deve ser desprezada, por favor!), Marcelo Morales, coordenador do Concea, usa aquela estratégia perfeita de inverter o jogo pegando pelo “o meu” que todo mundo quer, a vantagem que todo brasileiro gosta de ter em cada situação: “até fármacos que tiveram quebra de patentes estavam sendo testados para serem distribuídos à população”, diz ele.

Pronto, chame agora de especulação aquilo que eu disse sobre uma quadrilha que envolve muitos membros no serviço público e nos órgão reguladores/fiscalizadores. Quem for alfabetizado que leia. Eu não erro nunca!

Dowglasz.

Resgate dos cães beagles não foi premeditado, diz ativista | Cidadania | EBC.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s